A importância dada às pestanas no nosso look, não é algo recente, remonta na realidade, a civilizações antigas. Saiba, neste artigo, qual a história das pestanas na beleza.

A preocupação com as pestanas remete-nos para a civilização Egípcia, onde ambos os sexos usavam um pigmento negro proveniente do carvão (chamado Kohl).

Também na Índia e na Roma Antiga, pestanas grossas simbolizavam grandeza ou até pureza.

Durante a época medieval, perdeu-se um pouco o interesse pelas pestanas. Tendo este regressado na época Vitoriana, com figuras como a Rainha Vitória, cuja perfumista (Eugéne Rimmel) criou um dos produtos mais usados recentemente, o Rímel.

Já as primeiras pestanas falsas, datam do século XX, do ano de 1911, criadas por Anna Taylor, que usou tecido em forma de lua crescente.

Este produto evoluiu, tendo sido oferecido ao público em 1915, por Karl Nessler, que oferecia, no seu salão de Nova Iorque, a colocação de pestanas falsas. Contudo, um ano mais tarde, com D. W. Griffith, um realizador de Hollywood, as pestanas ganharam verdadeira fama. Este realizador, ordenou que colocassem pestanas feitas de cabelo humano com cola, na atriz Seena Owen (que teve uma reação alérgica ás mesmas).

Ao longo dos anos que se seguiram, ainda se recorria à enfâse nas pestanas naturais. Contudo, nos anos 30, com a revista Vogue, generalizou-se o uso de pestanas postiças, até com alguns detalhes prateados e dourados. Este passo, ajudou a que, nos anos 40 e 50, a maquilhagem se tivesse tornado mais importante e evoluída, tendo surgido, também nesta época o primeiro rímel em tubo, pela marca Revlon.

Marilyn Monroe e Rita Hayworth foram duas celebridades que se tornaram fãs deste produto.

Este produto foi evoluindo, conforme a evolução da moda, desde pestanas grandes para acentuarem o olhar, para a maquilhagem mais natural, á maquilhagem baseada nas sombras e lábios coloridos. No anos 90, popularizou-se o rímel colorido, a condizer com o cabelo também pintado.

No início do século, celebridades aderiram ao uso de pestanas grandes e surgem, assim, as extensões de pestanas e as pestanas individuais personalizáveis.

Se procura mais informação sobre pestanas e sobre a área de estética em geral, procure as nossas formações, em www.formandum.pt.