Ultimamente, as redes sociais têm sido inundadas de novas tendências no mundo da beleza a um ritmo alucinante. Enquanto, até há relativamente pouco tempo, andávamos a suspirar pela “glass skin” – a tendência em que a pele parecia feita de porcelana -, agora os holofotes estão virados para a nova técnica de maquilhar a pele – a “cloud skin”. Esta tendência é a predileção por uma pele mais suave, quase como se fosse iluminada de dentro para fora, através de uma – vá-se imaginar – nuvem. O termo foi cunhado pelo make-up artist Dominic Skinner e tem-se provado um sucesso no mundo digital.

A receita para atingir este efeito está no tipo de produtos usados: experimente uma mistura de produtos em creme (hidratantes e com brilho) em conjunção com produtos matte para conseguir este acabamento. E não se esqueça, vá com calma na aplicação de iluminador!